Semana do Meio Ambiente com programação intensa em Ouro Preto

Notícia publicada em 15/06/2022
por Nízea Coelho


Imagem: Ane Souz

Texto: Luiza Carneiro

Há 50 anos, no dia 05 de junho é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente. A data foi instituída pela ONU durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento e Meio Ambiente Humano, que ocorreu entre os dias 5 a 16 de junho de 1972 em Estocolmo, e reuniu 113 países. A Conferência resultou na elaboração da Declaração de Estocolmo, contendo 26 princípios, além da criação do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA). Desde então, diversas ações são desenvolvidas a fim de chamar atenção para as mudanças ambientais no planeta.

Em Ouro Preto, a Semana do Meio Ambiente foi comemorada entre os dias 5 e 10 de junho, quando a Prefeitura de Ouro Preto, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, realizou diversas atividades com intuito de refletir sobre as consequências das nossas ações para com o meio ambiente.

Na segunda-feira, as crianças da Escola Estadual Dom Veloso participaram de uma oficina sobre a cultura indígena, com Danilo Borum-Kren. O sexto ano participou de uma conversa sobre a ancestralidade e ficaram impressionados com as histórias do indígena, que contou sobre o fogo e fez uma demonstração empolgante para a turma. A tarde foi reservada para a campanha de prevenção contra incêndios florestais, que aconteceu na Escola Municipal São Sebastião.

A terça-feira deu lugar para a emocionante homenagem ao senhor Walter das latinhas, pioneiro na reciclagem na cidade de Ouro Preto, e por sua dedicação com o meio ambiente. Houve ainda a assinatura da obra de serviço de revitalização do Parque Natural Municipal das Andorinhas e o lançamento do 2° Concurso de Fotografia, que possui como tema “Os 100 anos da Semana de Arte Moderna”.

Para finalizar o dia, foram apresentados os resultados da primeira etapa da pesquisa de balneabilidade das águas presentes em áreas recreativas do Município de Ouro Preto, um projeto realizado em parceria com a UFOP e Prefeitura. O projeto visa analisar as águas de locais como cachoeiras e lagos mais utilizadas para banho em Ouro Preto a fim de compreender se suas condições estão saudáveis para utilização. Foram analisadas dezessete cachoeiras e a maioria está satisfatória com ótimas condições para banho.

A manhã de quarta-feira foi destinada à Oficina de Compostagem, que aconteceu no Parque Municipal das Andorinhas, com a realização da Fundação Gorceix e SEMMA. O evento teve a demonstração de como fazer corretamente um local de compostagem transformando a matéria orgânica encontrada no lixo em adubo natural, e contou com a participação da vice-prefeita de Ouro Preto, Regina Braga.

A tarde de quarta foi marcada pela assinatura do Termo de Manual de Marca do Fundo Municipal de Meio Ambiente 2021. A Cia 2x2 apresentou o Projeto aprovado pelo Fundo Municipal de Meio Ambiente e as senhoras Maria Tereza Resende, Nayara Trevizani e Laura Braga participaram do evento para a assinatura do termo de compromisso. Houve entrega do material de combate a incêndios doado pela VALE S.A, o lançamento do Cadastro da campanha “Jogue Limpo-Cole essa ideia” e da campanha do cadastro municipal de compostagem doméstica. Ponto alto do dia foi a entrega do certificado “Amigos do Meio Ambiente” que agraciou diversas entidades e personalidades.

Na quinta-feira, o Parque Natural Municipal de Cachoeira do Campo recebeu o Mestre Ricardo Silva para um momento de Tai Chi Chuan, uma arte marcial chinesa que proporciona a movimentação da energia do corpo; na sexta foi a vez do yoga com a instrutora Tamiris na Cachoeira das Andorinhas.

Alerta Meteorológico

Estado de observação
  
 
 
 
saiba mais

Receba notícias da Prefeitura

×