Exposição, apresentação da Guarda de Moçambique e Projeto “DeLivro” marcam a reabertura da Biblioteca Pública Municipal

Notícia publicada em 24/11/2021
por Nathália Silva


Reabertura da Biblioteca Pública Municipal
Imagem: Ane Souz/PMOP

Texto: Túlio Dutra

 

“Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda”. Parafrasear o educador Paulo Freire talvez seja a forma mais correta de descrever os acontecimentos do dia 23 de novembro. Está data marca a reabertura da Biblioteca Pública Municipal, que esteve fechada por um ano e oito meses devido às restrições sanitárias decorrentes da pandemia e teve o retorno de suas atividades numa tarde cheia de arte e boas novas.

O evento que contou com uma bela apresentação da Guarda de Moçambique, Nossa Senhora do Rosário, teve ainda a abertura da exposição: A Fé que Canta e Dança, dos fotógrafos Vinicius Terror e Simone Ribeiro. Também houve o lançamento do Projeto “DeLivro”, ação que aproximará os livros da população ouro-pretana por meio de delivery.

Cleusmar Fernandes, diretor da Biblioteca Pública Municipal, destacou a qualidade dos títulos que a casa possui e falou sobre esse novo projeto. “Temos um acervo que é enriquecedor, com a história de toda construção da biblioteca, a formulação da cidade e são obras raríssimas e inestimáveis. Além disso, reabrimos com um projeto inovador chamado DeLivro, e será um delivery de livros, com reserva de obras da biblioteca, de segunda a quinta-feira. Toda sexta-feira haverá um motoboy que, seguindo todos os padrões sanitários, vai levar o livro até as residências e depois de 14 dias o livro será buscado, tudo isso sem nenhum custo à população”.

O prefeito Angelo Oswaldo, descreveu a importância da biblioteca e enfatizou as melhorias na infraestrutura do local. “Temos aqui uma grande casa de cultura, educação e ciência, um polo de conhecimento. E agora contamos com novos computadores e um espaço dinâmico e articulado, marcando um novo ritmo da Biblioteca Municipal de Ouro Preto”.

Quem também falou da reabertura foi a secretária Adjunta de Educação, Deborah Etrusco, fazendo um paralelo entre essa retomada e a situação do país. “Esse é um momento muito significativo, pois esse é um espaço de cultura e conhecimento, tudo isso em um período de tanta dificuldade e tristeza, onde vemos as ciências sendo colocadas de lado. Portanto, essa retomada significa uma esperança de que através dos livros possamos fazer uma sociedade melhor”.

Já Rogério Fernandes, secretário de Educação, comentou sobre o futuro da biblioteca e agradeceu a ajuda de parceiros. “A diretoria já está planejando um ano de 2022, uma casa ativa a todo tempo, atendendo a população local e os turistas. Tivemos bastante empenho e contamos com grande apoio da Secretaria de Obras e do pessoal da tecnologia da informação. Conseguimos alcançar os objetivos, fizemos algumas intervenções e pretendemos fazer outras, gerando um ganho para a população ouro-pretana”.

A Biblioteca Pública Municipal está localizada no centro de Ouro Preto, na Rua Xavier da Veiga, número 309, funcionando de segunda a sexta-feira, de 08h às 18h. O espaço começou a ser usado com esse fim, no ano de 1996, e atualmente possui um acervo com mais de 50 mil títulos de diversos gêneros literários, além de vários exemplares em braile.

Álbum de fotos

Alerta Meteorológico

Estado de alerta
 
 
  
 
saiba mais

Receba notícias da Prefeitura

×